Imprensa Regional Notícias Território

Praia fluvial de Odeleite vai custar 320 mil euros

A Câmara Municipal de Castro Marim anunciou hoje a aprovação da comparticipação, a fundo perdido, de 70% do valor da construção da praia fluvial da Albufeira de Odeleite pelo PO CRESC 2020, num investimento total de 320.189,39 euros.

A empreitada da construção da praia fluvial, na albufeira da barragem de Odeleite, deverá ser lançada antes do verão e contempla 6100 m2 de área, com zonas verdes, apoios de praia e uma zona de estar.

“É uma obra que vem potenciar o turismo que já existe nesta zona, muito procurada pela gastronomia e paisagem, e que vem também acabar com a utilização ilegal e insegura desta barragem para banhos, como tem vindo a acontecer”, sublinhou o presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral.

Segundo o autarca, este é o primeiro passo previsto para no Plano de Ordenamento da Barragem de Odeleite, que estava há uma década pendente no Ministério do Ambiente.

A localização da barragem de Odeleite, junto ao IC 27, que faz atualmente a ligação entre Castro Marim e Alcoutim e, quando concluído, fará a ligação a Mértola e a Beja, “é um dos fatores chave no sucesso deste empreendimento”, sustenta a autarquia castromarinense.

“A complementaridade desta nova infraestrutura com a canoagem e outras atividades que se podem agora desenvolver na barragem de Odeleite, vem diversificar a oferta turística do concelho e contribuir para a sustentabilidade do território rural”, acrescenta-se.

A localização da praia fluvial de Odeleite prende-se com o Plano de Ordenamento de Albufeira (POAO) aprovado pela (Resolução do Concelho de Ministros n.º 54/2014), incidindo o mesmo sobre o plano de água e respetiva zona terrestre de proteção da albufeira, inviabilizando qualquer zona de lazer a jusante da barragem.

O POAO estabelece o regime de salvaguarda de recursos e valores naturais e o regime de gestão a observar na sua área de intervenção, com vista à utilização sustentável do território e definindo como prioridade na utilização da água desta barragem, o abastecimento público.

A Barragem de Odeleite, construída entre 1992 e 1998, serve para abastecimento público de água e está ligada por um túnel à barragem vizinha de Beliche, constituindo a principal infraestrutura de armazenamento de água do sotavento algarvio.

Praia fluvial de Odeleite vai custar 320 mil euros

Powered by WPeMatico

A dama da Luz

Últimas

RTP

pub.

Evento

COVID-19 |Sites de Apoio

Linha SNS24 – Serviço online do SNS
SNS - Área do Cidadão do Portal SNS
Direção-Geral da Saúde – Atualiação permanente das últimas informações oficiais
Organização Mundial da SaúdeRelatórios de acompanhamento ao Covid-19
ECDC - Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças

Windy – Tempo na Foz do Guadiana

Visite

O que leva um conjunto de pessoas de geografias diferentes a encontrarem-se no espaço que a não tem – a web – para escreverem sobre os mais variados temas tendo apenas como farol uma posição cardeal: o Sul?
Julho 2020
STQQSSD
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031 

Ao continuar a utilizar este site, concorda com a política de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Fechar