Barco com 2,8 toneladas de haxixe travado na Foz de Odeleite

Vai aguardar julgamento em prisão preventiva um homem de 38 anos, o único tripulante de uma embarcação apreendida no Rio Guadiana com 2,8 toneladas de haxixe a bordo.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) indicou que o homem detido na madrugada de sexta-feira, foi ouvido em primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Tavira. Foi-lhe aplicada a prisão preventiva e depois conduzido ao estabelecimento prisional de Olhão.

A embarcação semirrígida, com de 10 metros de comprimento, foi detetada quando navegava a alta velocidade, em direção ao rio Guadiana, na sequência de uma operação de vigilância da costa, com o apoio do Sistema Integrado de Vigilância, Comando e Controlo (SIVICC), dotado de câmaras de vigilância térmica e de sistemas de radar.

Tinha a bordo 85 fardos de haxixe, com um o peso total de 2.800 quilogramas, foi intercetada junto à Foz de Odeleite. Estava equipada com três motores, cada um com 300 cavalos de potência e foi travada pela Equipa de Patrulhamento e Interceção Marítima, acionada pela Unidade de Controlo Costeiro da GNR.

De acordo com aquela força, por terem sido detetados movimentos suspeitos de veículos e pessoas na margem espanhola do rio Guadiana, “foram contactadas as autoridades espanholas que, momentos mais tarde, efetuaram a detenção de um indivíduo de nacionalidade marroquina, na localidade de Villablanca (Espanha), sendo suspeito de estar relacionado com esta ocorrência”.

Advertisements

About the author

novodmin

%d bloggers like this: