Notícias Território

José Estevens acusa Passos Coelho de fazer tábua rasa dos estatutos do PSD

Em carta aberta, o ex-presidente da câmara municipal de Castro Marim, José Estevéns, que actualmente dirige a secção local do PSD, acusou o presidente do seu partido, “ao ter afirmado em conferência de imprensa, astuciosamente preparada, em 21 de janeiro, em Albufeira, que o actual presidente da câmara municipal de Castro Marim só não seria de novo candidato à câmara municipal se não quisesse, de fazer “tábua rasa dos estatutos do partido”, de ter diminuído a democracia e reiterado “tacitamente a célebre expressão «que se lixem as eleições »”.

É afirma, em defesa desta interpretação, “que, os estatutos são aprovados em Congresso e nem a Comissão Política Nacional nem o Conselho Nacional os podem derrogar, a estrutura local do partido democraticamente eleita ainda não tinha exercido o seu direito de, nos termos dos estatutos, propor o candidato, e se efectivamente o partido quer ser maioritário nas autarquias não enjeitava liminarmente a hipótese de voltar a candidatar o anterior presidente da câmara em Alcoutim, sendo certo que terá menos hipóteses de se fazer eleger em Castro Marim onde volvidos três anos e meio de mandato ainda não se identificou minimamente com as dinâmicas do concelho e é alvo de todo o tipo de críticas”.

Veja aqui o texto integral da Carta a Passos Coelho:

 

Opinião

Dezembro, 2020

X