Notícias Território

STAL: Privatização dos serviços de água e lixo ameaça postos de trabalho

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional (STAL) denuncia que, tal como já tinha alertado antes, a privatização em curso da recolha de lixo, limpeza e espaços verdes e dos serviços de água e saneamento em Vila Real de Santo António está a pôr em causa os postos de trabalho.

Esta ameaça foi confirmada pelos trabalhadores da empresa municipal, a SGU – Sociedade de Gestão Urbana, que foram recentemente confrontados por responsáveis autárquicos com as seguintes opções: ou integram as empresas privadas – Ecoambiente, no caso do lixo, e a Aquapor no caso dos serviços de água –, ou passam a realizar outras tarefas onde a SGU quiser; ou recebem uma indemnização e são despedidos.

De acordo com o STAL, a administração da empresa abordou os trabalhadores oralmente, não existindo nada escrito sobre as condições de uma eventual mudança. Acresce que a empresa não informou o sindicato e impôs aos trabalhadores um prazo para a resposta – uma semana para decidirem.

O sindicato «condena fortemente a pressão e a chantagem exercida sobre os trabalhadores e apela à união, ao combate e à defesa dos direitos e dos postos de trabalho». Apela igualmente à participação em mais uma manifestação convocada para o próximo dia 18 de Março, «contra a privatização dos serviços públicos e a destruição postos de trabalho».

Source: Privatização dos serviços de água e lixo ameaça postos de trabalho | AbrilAbril

Opinião

Mês corrente

Dezembro, 2020

X