Notícias Território

PS acusa Câmara de VRSA de preparar «negócio ruinoso» com privatização das águas

A privatização do setor das águas será «um negócio ruinoso» para Vila Real de Santo António, acusou o PS. Os socialistas vila-realenses vieram a público condenar a intenção do executivo do PSD de concessionar a gestão da água e resíduos a uma empresa privada, garantindo que o preço deste bem essencial vai «subir 50 por cento nos próximos 7 anos».

Em causa, está a privatização do departamento de águas e resíduos da empresa municipal SGU, que conta atualmente com cerca de 240 trabalhadores, 52 afetos à área que agora se tenciona entregar à gestão privada.

«A Câmara garante que a empresa privada assume nos seus quadros os cerca de 52 funcionários da secção de água e resíduos, que podem ficar na SGU se quiserem. Deixaram de ter onde desempenhar as suas funções, mas a SGU suportará os salários do departamento extinto. Ou seja, a Câmara vai continuar a ser a maior entidade empregadora do Concelho, sendo evidentes os objetivos de criar condições para a promoção de pressões em época de eleições e garantir votos», acusam os socialistas.

O principal partido da oposição em VRSA também questiona a intenção de avançar para uma concessão a 30 anos, considerando «inacreditável que autarcas eleitos por mandatos de quatro anos possam hipotecar os orçamentos municipais ao longo de gerações». «O PS VRSA não ficará indiferente a este assunto e fará todos os esforços para impedir que um serviço que é de todos possa ser concessionado em termos que não garantem os interesses da população do concelho», concluiu.

 

Source: PS acusa Câmara de VRSA de preparar «negócio ruinoso» com privatização das águas

Opinião

Novembro, 2020

X